Salão de Artesanato da Paraíba homenageia a transposição do Rio São Francisco, o Velho Chico

Nessa edição, o Salão de Artesanato da Paraíba traz o tema “Das águas que renovam a esperança nasce o desenvolvimento”, fazendo uma homenagem à transposição do Rio São Francisco que chegou a Paraíba pelo eixo leste no dia 8 de março do corrente ano, beneficiando os paraibanos que sofrem com um longo período de seca.

Na entrada do Salão, os visitantes logo se deparam com uma estrutura montada com a imagem de São Francisco e com diversos saquinhos plásticos com água que simbolizam gotas de chuvas, dando um toque especial na decoração do Salão.

Para a gestora do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), Lu Maia, as águas do “Velho Chico” trouxerem a esperança de dias melhores para os paraibanos.

“As águas que chegam à Paraíba representam a esperança do artesão em dias melhores. Grande parte deles vive em regiões de seca severa, tendo dificuldades para plantar e até para colher a matéria-prima do seu trabalho, a exemplo do barro”, ressaltou.

Por Luana Gregório (repórter) – Iara Alves (editora)